Aguarde carregar a música

Suave é a noite
Cleide Canton Garcia


Exulta coração
neste anseio de sonho!
Vibra neste torpor
do desejo que aflora risonho.
Abram-se os véus
sem pedir licença
desnudando minha alma
porque hoje quero
mostrar-me a ti
sem virtudes,
sem defeitos,
totalmente livre
de preconceitos.



Cobro-me apenas
a mulher que não fui
sem receio de um depois.
Cobro-me o nós dois.
Permito-me a plenitude 
de ser inteiramente tua
tão livre e feliz
como sempre quis.



Deixa-me voar
nas asas dos meus sonhos...
Vôos às alturas ou rasantes,
vagar entre campinas verdejantes
sentindo o cheiro das matas,
o frescor das cascatas,
desvendar os segredos do mar
para depois
aterrissar no teu olhar.



Dá-me o dia todo,
querido,
para que eu roube do sol o calor
e engrandeça o meu amor.
Não duvides:
usarei tudo isso
para suavizar a noite
que vai nos embalar!

Divagar...Divagar...



SP, 13/11/2003
17:10 horas

Proibido a cópia sem autorização da autora

 

Web designer Ana Amélia Donádio
romantichome@terra.com.br
Página editada em 19/11/2003.

online