Pensando bem
Cleide Canton Garcia


Pensando bem
acabo de decidir
que terás de volta todos os meus carinhos,
que serão apenas teus os meus pensamentos,
que não preciso de novos e ousados ninhos
e que só a ti entregarei os meus momentos.



Acabo de decidir
que o meu porvir
encontra guarida nesse teu coração sem trapaças
e meu olhar secará todas as lágrimas que verteu.
Jamais verão meu vulto atrás de outras vidraças
que não as da redoma que teu amor me envolveu.



Pensando bem
ecoa o meu amém
a esses braços que teimei em recusar,
a esse carinho tão franco e tão aberto,
a essa luz que me prende ao teu olhar,
a esse amor que sempre esteve tão perto.



Pensando bem
esqueça o meu desdém.
Perdoa minha vã procura, minha tola busca,
meu andar transverso, meu cantar descrente,
minha cega visão da luz que não mais ofusca,
meu viver sem freios, meu versejar doente.



Pensando bem
todos merecem 
aquilo que tem.
Eu também...



SP,22/03/2004
21:00 horas

Proibida a cópia sem autorização da autora

 

Web designer Ana Amélia Donádio
romantichome@terra.com.br
Página editada em 07/07/2004.


  online