O suave som de um piano em surdina,
me põe em harmonia com o universo.
Brilham raios de sol em serpentina
corolando de calor qualquer verso.



Borboletas pousam de flor em flor
dançando sobre a relva verdejante.
O vento assobia com todo ardor
no compasso de um ritmo galante.



Coaxa o sapo na pequena lagoa.
Responde alegre o meigo bem-te-vi.
Enquanto na montanha o som ecoa,
nova sinfonia começa aqui.



Brincam nuvens ao som da melodia
e os anjos se deleitam com a paz.
Minh’alma em sãos delírios se associa
perdida no enlevo que a cena traz.



Morre em outra voz o grito de guerra.
A raiva e a dor se perdem ao léu.
A aura branca que envolve a terra
leva meu ser bem pertinho do céu!




®DireitosAutoraisReservados©
Proibido a cópia sem autorização da autora.



Web designer Ana Amélia Donádio
Romantic Home
Página editada em 02/04/2003.

PARA GRAVAR O FUNDO MUSICAL CLIQUE NO CD  

  online