AMAR É ...
Autora: Cleide Canton Garcia


Sentir-se livre
mesmo acorrentado
pelos ferrenhos grilhões do apego...
É fazer presente
todo o passado
num simples toque de chamego.

             

É querer abraçar
a graça e a beleza,
sentir do tempo todos os segundos,
plantando os sonhos
de rara pureza
na terra arada em sulcos profundos.

               

É querer ser presente
a toda hora
não importando se é noite ou dia.
É atender
o chamado do agora
e fazer do momento uma poesia.

                

É querer gritar
a todo instante,
ao mundo, a grandeza desse amor.
É fazer do sorriso
uma constante
e da entrega um ato sem pudor.

                

E voar alto
ao sabor do vento,
sentir a brisa, atravessar o mar,
dormir ao sol
ou ao relento,
abrir os olhos e poder sonhar...

                

É a doação plena,
de peito aberto
sem nada pedir ou mesmo esperar,
trocando a dúvida
pelo tudo certo.
Assim se conjuga o verbo amar!


                   


®DireitosAutoraisReservados©
Proibido a cópia sem autorização da autora
.

 

         

Página editada em 12/01/2003.

Web design Ana Amélia Donadio/Romantic Home
romantichome@terra.com.br

  online